MENU
Imagem da exposição da Vitra na Feira de Milão.

27/06/2018 Comments (0) Design, Tendência

As experiências no mundo do design

As empresas hoje em dia estão buscando cada vez mais transmitir valores, significados, mexer com as emoções das pessoas e aproximá-las das marcas, através das experiências. Querendo ou não, as marcas fazem parte das nossas vidas, e são as experiências que fazem a ponte para essa aproximação.

Pode ser um apartamento residencial em uma grande cidade ou uma casa de campo mais afastada. Pode ser também uma decoração industrial ou uma decoração futurista. Em todos os casos, há algo que é essencial: os ambientes devem transmitir experiências, despertando sentimentos e sensações.

As linguagens podem ser diferentes, mas todas trazem a tona valores e significados pessoais. Na Feira de Milão deste ano, por exemplo, essa tendência esteve em voga em ambientes diversos e no contato com as empresas (aproximando pessoas às marcas).

A empresa suíça Vitra, referência mundial em design de mobiliário, usou como referência uma foto muito tradicional (dos anos 60) com todos os produtos clássicos da marca, para reproduzir um ambiente no Salão de Milão deste ano. Eles colocaram os móveis (como na imagem) em uma piscina vazia que continha uma plataforma, onde as pessoas subiam para ter uma perspectiva muito próxima com a da foto, como se estivessem revivendo esse momento. Essa ideia foi criada para fazer com que os móveis lançados fossem apresentados como os novos clássicos da Vitra.

Imagem dos anos 60 da Vitra.

Imagem dos anos 60 da Vitra.

Imagem da exposição da Vitra na Feira de Milão.

Imagem da exposição da Vitra na Feira de Milão.

As experiências dos consumidores com o varejo são intrinsecamente multisensoriais por natureza. Um design de produto pode estimular instantaneamente múltiplas modalidades sensoriais. Por exemplo, o toque suave, mas fresco de um lenço de seda ou o odor característico de um barril de madeira envelhecido, podem trazer sensações ou lembranças a você. Pesquisas realizadas estabeleceram que a visão e o toque dominam a percepção e a experiência de produtos de design.

Designers estão essencialmente se esforçando para desenvolver produtos que incentivem o usuário a formar essas conexões emocionais e associações. Desde os materiais, cores, texturas e outras qualidades estéticas de um produto aos anúncios usados para atrair clientes, estão sendo feitas tentativas para fazer as pessoas terem sensações e experiências. Designers não estão, em geral, fazendo seus produtos em uma determinada cor porque é sua cor favorita, mas sim porque é uma decisão consciente baseada na psicologia humana.

As pessoas formam conexões emocionais e associações com as coisas que usam e se deparam ao longo de suas vidas. Essas conexões e associações ajudam a guiar nosso comportamento e determinam como percebemos o mundo.

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *